sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Uma deliciosa razão para melhorar o dia

Eu cozinho por vários motivos. Por que adoro ver como os ingredientes se unem para formar algo diferente (e gostoso), por que gosto de preparar coisas úteis, vê-las saindo do zero e tomando forma (esse é um dos motivos que me faz gostar da informática também), por que é um exercício de criatividade, por que adoro ver as caras de felicidade das pessoas comendo algo bom, por que gosto de pensar no que as pessoas que eu amo apreciam e cozinhar especialmente pra elas.

Mas eu também cozinho por terapia. Sim, já descontei alguns problemas na comida ou, melhor dizendo, numa caixa de chocolates. E a sensação é péssima. Mas cozinhando, o tempo passa, você vê sua obra tomando forma, vai se envolvendo com os aromas e texturas e, quando vai finalmente comer, não se atraca como se daquilo dependesse a sua felicidade. Você simplesmente aprecia uma comida boa, numa quantidade que acabe com a sua fome e aqueça seu coração. E se ao seu lado na mesa estiver uma companhia animada, tanto melhor.

No entanto, quando eu tive um dia pesado, eu preciso de um prato fácil e que deixe uma sensação de aconchego. Que prato melhor do que uma torta? E o melhor - uma torta feita com ingredientes que são figurinhas fáceis em qualquer despensa ou geladeira, o que evita aquele stress fenomenal que é uma incursão ao supermercado num final de tarde.


A massa básica é facílima e o recheio é basicamente o que você tiver na sua geladeira. Carne moída, salsichas, legumes, frios. Enfim, você pode aproveitar aquele monte de sobrinhas que estão ocupando espaço na sua geladeira, não precisa se preocupar em comprar nada em especial. Eu utilizei linguicinhas por que na minha casa todos adoram - e por que eu tinha um pacote lá, dando sopa. Mas essa receita pode facilmente tornar-se vegetariana (mas não vegana, por que ainda teremos o leite e os ovos da massa).

Então, coloque uma música bem alta (uma que me acompanha constantemente na cozinha é essa aqui: http://blip.fm/profile/deaballe/blip/572138) e junte-se às panelas! Você vai ver como o estresse vai embora em dois toques.

TORTA CONTENTE
Serve 4 porções fartas

Massa básica:
* 2 xícaras de farinha de trigo
* 1 xícara de maisena
* 1 colher de sopa de fermento
* 4 ovos
* 1 xícara de água
* 1 xícara de óleo
* 1 xícara de leite

Basicamente, você tem que misturar os ingredientes. É melhor misturar os secos intercalados com os molhados, pra sua massa não empelotar e ficar difícil de manusear, mas se por acaso alguma coisa sair errado, use seu amiguinho mixer, bata tudo e seja feliz.
Ela fica meio molenga mesmo, é a intenção. No forno, a massa firmará, mas sem perder a umidade, não se tornando uma massa seca e compacta, mas leve e molhadinha.

Meu recheio:
* 1 tomate picadinho
* 1 envelope de caldo de carne
* 1 pacote de linguicinha cortada em rodelas
* 4 colheres de sopa de azeitona picada
* 100 ml de creme de leite
* azeite

Refoque no azeite a linguicinha, o tomate, a azeitona e o caldo de carne no azeite, até o tomate desmachar. Tire do fogo e misture o creme de leite, mexendo até incorporar.

Montagem:
Unte uma fôrma ou refratário que possa ir ao forno e coloque a massa. Despeje o recheio por cima e mexa levemente, para misturá-los um pouquinho.

P.S.: como sobrou um pedaço, pude provar a torta no dia seguinte. Não tinha perdido a umidade, continuava leve e estava deliciosa fria!
P.S.2: é um videogame
P.S.3: Oooops, também é um videogame
P.S.4: para ouvir mais músicas que eu escuto enquanto cozinho (e outras mais), acesse a minha rádio na Blip.fm.

6 comentários:

Anônimo disse...

Realmente a massa fica muito leve e também muito saborosa.

Paulo.

Carlos disse...

Muito bom.

Rafael "Homer" Gomes disse...

deve ficar otima com aquela linguiça caramelada \o/

Eloir disse...

Adorei, no dia seguinte fica melhor ainda.

Silvinha disse...

Adorei seu texto, a cozinha p/ mim não é obrigação, é um lugar onde eu me desestresso.

Beijo!

Vivian disse...

Adorei td que disse, e assino embaixo. Tbem me envolvo muito na cozinha e pra mim, é um momento mágico. Não vejo o tempo passar
boa semana
bj