quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Presentes Feitos em Casa

Os dias estão ficando cada vez mais coloridos. As ruas se enchem de luzinhas piscantes capazes de cegar um desavisado. Corais de crianças desafinadas cantam alegremente. Os shoppings fazem promoções e pinheiros brotam em meio ao calor do nosso país tropical.

Yes, babe. Está chegando o Natal.

Eu não sou nenhum tipo de Grinch, que odeia Natal. Adoro ver minha casa enfeitada, reunir a família na volta de uma bela mesa farta, preparar presentes com carinho. Mas eu detesto multidões. Tenho horror a "lembrancinhas". Nunca sei o que comprar. Me perco dentro de shoppings, sou levada por uma multidão maluca, aquele burburinho de ho-ho-ho's só me faz querer voltar pra casa.

Os presentes maiores são simples: eu penso antes no que e onde comprar. De preferência, com uma lista de lojas para, se não achar na primeira, procurar nas outras. Esses presentes grandes são para pessoas que você geralmente conhece bem (ou pelo menos razoavelmente), tem idéia de seus gostos. Mas e os presentinhos para aqueles amigos que você adora, mas vê pouco (ou vê muito mas não conhece bem, como professores e colegas)? Aquela coisinha só para a pessoa ver que você lembrou dela, sem gastar muito, é que me assusta.

Adoro dar e receber presentes, mas quando ganho uma lembrancinha com cara de "obrigação" fico arrasada. Preferia um abraço sincero, um e-mail, do que um presente claramente dado para suprir regras sociais já fora de moda. Mas às vezes você pensa, pensa e pensa e não consegue extrair nenhuma idéia válida que torne o presente especial e sem distinções.

Minha solução é unir o útil ao agradável: eu cozinho! Muitas vezes não lembramos, mas existem várias guloseimas fáceis de fazer e que são sucesso garantido. Sem contar que cozinhar relaxa ao invés de estressar como os shoppings nessa época. Você coloca carinho no que está preparando, o que torna o presente super especial, por mais simples que seja. Pode ser um único muffin, mas se for feito pensando em como o outro ficará feliz ao recebê-lo, pode ter certeza que agradará.

Recentemente fiz alguns cookies choc chip super fáceis para presentear alguns professores maravilhosos do meu curso na faculdade. Infelizmente já era bem tarde quando os assei e esqueci de fotografá-los. Como esses biscoitinhos são figuras fáceis na minha cozinha, a receita deles fica para a próxima. Ao invés dela, vou deixá-los com três sites que os inspirarão brilhantemente. Todos estão em inglês, mas além de ser uma oportunidade deliciosa de treinar o idioma, você pode pedir ajuda para o nosso amiguinho Google para traduzir as receitas.

O primeiro se chama Please Send Cookies, e é uma idéia muito bacana da Nestlé: incentivar as pessoas a darem cookies de presente. Existem sugestões de dar cookies para instituições de caridade, hospitais, para seus amigos e familiares. A sugestão deles é de enviar os biscoitos pelo correio, até comprando um prato especial, mas você não precisa ir tão longe: basta conferir as deliciosas receitas e fazer os cookies para distribuir.


O segundo também é um site da Nestlé, e se chama Very Best Baking. Na verdade, existem diversas receitas de diferentes pratos, mas todas elas assadas, ou seja: muitos biscoitos, bolos, tortas e outras guloseimas altamente presenteáveis e apetitosas. Além disso, eles tem um Holyday Guide com muitas receitas e dicas interessantes, específicas para o Natal.

A terceira e última dica é o projeto Gift of The Day, do blog Slashfood's. São postadas diariamente idéias de presentes feitos em casa (todos muito apetitosos e simples de fazer), juntamente com a receita.

O importante é ter sempre uma coisa em mente: estamos no final de ano, cansados, loucos por um descanso. O Natal é, em última análise, um motivo para dizermos às pessoas o quanto elas nos são importantes, o quanto gostamos da companhia e amizade. Não tem por que tranformar isso numa fonte de dores de cabeça.

No fim das contas, o bom mesmo é adocicar um pouquinho o coração - o seu e o das pessoas que o cercam.

3 comentários:

rsg disse...

bah, nem me fala, concordo em TUDO... infelizmente, sempre teremos os "desconhecidos" de ultima hora, mas tudo bem, na cozinha se resolve ;)

Alexsandra disse...

MAs eu tinha que ler isso antes do Nataaaal! :(
De qualquer forma, sempre é tempo de agradar. Uma vez dei uns biscoitinhos de manteiga a um professor no útimo dia de aula, ele ficou tão feliz!

Lannoka disse...

Olá! Como uma nerd assumida, adoreia as receitas do seu blog. Coloquei uma receita tb no meu, e acho que vc pode gostar.

Abraços